fbpx

Coronavírus e a transformação do meio digital

Aragoni Comunicação > Blog – Marketing Digital > Marketing Digital > Coronavírus e a transformação do meio digital

A crise global provocada pela pandemia de Coronavírus nos levou ainda mais ao mundo digital, e as mudanças de comportamento provavelmente terão efeitos duradouros quando a economia começar a se recuperar. A digitalização está permitindo a proliferação de telemedicina, teletrabalho e educação on-line, além de estar gerando mais dados sobre a expansão do vírus e ajudando no intercâmbio de informações para pesquisas.

Houve um salto no home office e na conferência on-line, ampliando a demanda por softwares de conferência on-line, como Microsoft Teams, Skype, Webex e Zoom da Cisco. Mas o que de fato já está acontecendo, para que se justifique uma possível mudança na forma de fazer negócios das empresas?

EVENTOS VIRTUAIS:

Em primeiro lugar, a ‘virtualização’ de grandes eventos como as Reuniões de Primavera do Banco Mundial e os desafios que muitas organizações enfrentarão nos próximos meses vão acelerar a adoção de tecnologias de trabalho via Home Office. Outro ponto que vale ser ressaltado por aqui, é a economia em viagens de funcionários à trabalho, bem como a estrutura física de bares e restaurantes que, agora, precisam reinventar suas vendas, abraçando o sistema delivery.

A INOVAÇÃO É AGORA:

Também pudemos ver inovação entre o crescente ecossistema de gestão pública que busca fornecer soluções tecnológicas para problemas de políticas públicas e ganhos de eficiência nos serviços públicos. Na Coréia, por exemplo, os usuários de smartphones já são informados por aplicativos como ‘Corona 100m’ quando eles estão em uma área onde os casos do Covid-19 foram identificados. No momento, o NHS não está compartilhando informações de localização caso a caso diariamente, mas é possível que isso mude com a pressão do público se os dados puderem ser usados ​​de maneiras que ajudem a manter as pessoas e os pacientes individuais seguros.

E DAQUI PRA FRENTE?

Nos próximos anos, precisaremos estabelecer novos contratos sociais entre governos, cidadãos e empresas de serviços e tecnologia que obtenham o consentimento informado dos cidadãos e maximizem o “benefício público” que vêm com os recursos digitais modernos. Se a pandemia de Coronavírus for levada em conta, na hora de reinventar serviços, produtos e soluções, para que possamos conviver em harmonia de maneira saudável, e enxergar o home office como uma alternativa não apenas para momentos de crise, como este que estamos enfrentado, mas como uma forma de passarmos mais tempo em nossas casas, por exemplo, teremos muito que nos adaptar. E, notavelmente, as empresas e companhias que relutarem em aderir à esta nova modalidade, irão sofrer as consequências do esquecimento.

CONCLUINDO:

Se está pensando em migrar sua empresa pro digital ou buscando novas saídas para se adaptar a esta crise, a Aragoni pode ajudar você. Quer saber como? Entre em contato conosco.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Call Now Button
WhatsApp chat